quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015

Após ser afastado, TJ mantém prefeito de Curimatá no cargo

Reidan Kleber, prefeito de Curimatá
O Tribunal de Justiça do Piauí (TJ-PI) reverteu a decisão da Câmara de Vereadores de Curimatá e determinou que o prefeito Reidan Kleber Maia de Oliveira (PMDB) permaneça no cargo. A Câmara de Vereadores, havia cassado o gestor por supostas irregularidades na gestão municipal. Segundo o advogado do gestor, Wildson Oliveira, a argumentação da defesa é que a decisão da Câmara foi "meramente política e arbitrária, já que não respeitou o devido processo legal e a ampla defesa".
 
A alegação da defesa foi acatada pelo desembargador da 4ª Câmara Cível do TJ, Otton Mário José Lustosa, na última sexta-feira (13), suspendendo, portanto a decisão da Câmara de Curimatá.
 
O prefeito Reidan Kleber Maia de Oliveira, que ficou afastado durante o período de Carnaval, retorna ao cargo nesta quinta-feria (19).

Fonte: Meio norte