segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

Profissionais contratados do Hospital de Corrente estão há quatro meses sem receber salários

Os funcionários contratados do Hospital Regional de Corrente estão há mais de quatro meses sem receber os seus salários, contradizendo o compromisso assumido pelo diretor interino Alexsandro Rabelo de Araújo, assim que assumiu o cargo.
Além dos salários atrasados, pagamentos aos fornecedores também estariam em aberto. “Estamos fornecendo na confiança, pois as datas de pagamento já venceram há muito tempo”, afirma um dos comerciantes.
Médicos e demais profissionais aguardam pelos pagamentos a partir desta segunda-feira (23), data apontada pelo diretor como limite para a solução do problema. Caso os pagamentos não sejam realizados, os profissionais afirmam que não continuarão trabalhando até que os vencimentos sejam regularizados.
Na próxima terça-feira (24), uma importante reunião acontecerá em Teresina junto à Secretaria de Estado da Saúde do Piauí (SESAPI), com a provável definição do nome para a direção do hospital e as diretrizes emergenciais a serem executadas.


Fonte: Portal Corrente