domingo, 21 de junho de 2015

CULTURA: Piauiense Isaque Folha é destaque no G1 da Globo

Além de escritor, Isaque Folha é pedagogo e músico (Foto: Patrícia Andrade/G1)
"O cravo brigou com a rosa debaixo de uma sacada. O cravo saiu ferido e a rosa despedaçada". "Sambalelê tá doente tá com a cabeça quebrada. Sambalelê precisava de umas dezoito lambadas". No Piauí, o pedagogo, músico e escritor Isaque Folha, reescreveu canções como as que foram citadas e agora está lançando um livro e CD que recebem o título de ‘Canções de Valor’.
Na releitura feita pelo piauiense, o cravo não briga com a rosa e Sambalelê está contente com a sua cabeça curada. A ideia, segundo ele, é oferecer um recurso didático e fazer um convite à restauração. Isaque Folha, que já dividiu conferências pelo Brasil com nomes como Içami Tiba e Augusto Cury em palestras sobre relações humanas, vê no projeto uma oportunidade de levantar uma discussão entre pais e educadores sobre de que forma os valores estão sendo transmitidos às crianças.
“Muita gente ainda não parou para ver que por trás de algumas dessas músicas tem certa malícia. Ao fazer a análise psicológica das letras, a gente percebe que há um fundo negativo. Então se a escola é a primeira a pregar contra a violência, chega a ser até uma ironia trabalhar essas canções com as crianças”, avaliou.
Ainda conforme o pedagogo e músico, o universo folclórico das lendas, contos infantis e cantigas de roda tem camuflado, em meio ao lúdico, uma sutil inversão de valores. Ele cita o exemplo da música "Teresinha de Jesus", em que a personagem central da cantiga despreza a sua família e se entrega a um qualquer, lamentando, em seguida, a frustação e o "sangue derramado em seu coração".
“Teresinha rejeita o pai e o irmão para estender a mão a um estranho. Como que a família, que é a célula mater da sociedade, é tratada nessa canção? Durante toda a infância a menina escuta a mãe dizer que na rua não pode falar com estranhos e na música é diferente?”, questiona Isaque Folha.
Com a releitura do piauiense, um dos trechos da música "Teresinha de Jesus" ficou assim: "Teresinha de Jesus de uma queda foi ao chão; Bem ali, três cavalheiros que lhe estenderam suas mãos. Ela deu a mão ao pai e também ao seu irmão, mas ao tal desconhecido a Teresa disse não!". Ela e outras canções, foram também gravadas em um CD e ganharam ritmos bem brasileiros como o forró, samba e afoxé.
A publicação tem prefácio do doutor em educação Hamiltom Werneck, autor do livro "Se você finge que ensina, eu finjo que aprendo" e já foi membro do conselho Estadual de Educação do Rio de Janeiro. Para ele, o pedagogo Isaque Folha, com criatividade e brilho musical, "transforma o folclore e através de um atentado com boa índole, muda a visão das músicas, transformando-as em canções com valores positivos e de bem com a vida, sem traumas ou exageros".
O livro conta com belas e criativas ilustrações da também piauiense Ângela Rêgo. As parte musical também é assinada por músicos piauienses. A venda e divulgação do projeto Canções de Valor têm sido feitas pela internet e também em algumas livrarias de Teresina.
Na releitura feita pelo piauiense, o cravo não briga
com a rosa (Foto: Patrícia Andrade/G1)

Fonte: G1