segunda-feira, 27 de julho de 2015

Prefeito de Corrente afirma que é grave a situação do município devido a estiagem

Prefeito Jesualdo Cavalcante
O prefeito de Corrente, Jesualdo Cavalcanti Barros, decidiu decretar situação de emergência devido estiagem que atinge o município.

Jesualdo Cavalcanti afirma no decreto de nº 71/2015, que é grave a situação de estiagem que atinge o município, a ponto de secar os leitos dos rios Corrente e Paraim, o que estaria provocando “preocupante escassez de água tanto para consumo humano quanto para o abastecimento dos rebanhos, quadro que se estende a toda a zona rural , exigindo o abastecimento de água por caminhões-pipa tanto pela prefeitura quanto pelo 4º Batalhão de Engenharia de Construção (BEC), em cerca de 100 localidades”. O prefeito destaca ainda que a prefeitura possui apenas um caminhão-pipa para atender a região e que para combater a estiagem são necessárias medidas urgentes.

A prefeitura fica então autorizada, com dispensa de licitação, a aquisição de materiais e a prestação dos serviços que se fizerem necessários para o socorro público, como carros-pipas, tratores, caçambas, entre outros. O decreto é de 23 de julho.

Fonte: GP1