terça-feira, 25 de agosto de 2015

Acusado de sequestrar gerente do Banco do Brasil de Altos é preso

Coletiva Greco
O Grupo de Repressão ao Crime Organizado (GRECO) identificou um aquadrilha interestadual que atua em assaltos a agências bancárias no Piauí e Maranhão. Na noite de ontem(24), um dos integrantes foi preso na zona leste de Teresina. Durante coletiva de imprensa na manhã desta terça-feira (25), Fernando Gonçalves de Carvalho foi apresentado na sede do GRECO. Ele é acusado de participação no crime de extorsão mediante sequestro contra a família do gerente do Banco do Brasil do município de Altos, ocorrido em março deste ano. O acusado foi preso na noite desta segunda-feira(24), em uma residência alugada no bairro Vila Maria, zona leste de Teresina. Fernando já havia sido reconhecido pelo gerente do banco e confessou o crime. 
A polícia informou o nome de outros dois suspeitos de integrar a quadrilha, os irmãos Denilson da Silva Coelho, conhecido como Denis e Antônio da Silva Coelho, vulgo Carlinhos. 
Um quarto integrante da quadrilha, Fernando Machado Vasconcelos, foi preso em Timon (MA), há alguns meses e está no Complexo Penitenciário de Pedrinhas (MA). Segundo o delegado Carlos César Camelo, coordenador do GRECO, todos os integrantes da quadrilha são conhecidos da polícia por assaltos a agências bancárias e cargas. “Os dois irmãos participaram de outro sequestro ocorrido no ano passado em Água Branca. Todos eles têm antecedente criminais. Inclusive o Denilson já foi preso por furtar cargas de cigarro”, informou.  
Coletiva Greco

Suspeitos 

Delegado Carlos César 
Fonte: GP1