quinta-feira, 1 de outubro de 2015

Mentor e executor de homicídio bárbaro em Parnaguá está preso na 10ª DP de Corrente

O principal suspeito de premeditar o homicídio de Valdinê Lima da Silva, 37 anos, na última semana, encontra-se preso na 10ª Delegacia Regional de Corrente. O criminoso apresentou-se à GPM de Parnaguá ao final da tarde desta quarta-feira e foi encaminhado ao DP. O delegado Moisés Aragão Linhares vai ouvir o preso na manhã desta quinta-feira.
Sobre as características do homicídio, o delegado declara que ele foi premeditado com a participação de no mínimo sete pessoas, as quais todas serão indiciadas. "Este é um crime praticado de forma covarde, com requintes de crueldade e chama atenção a quantidade de pessoas que participaram do conluio para matar a vítima. Todos, sem excessão, serão indiciados; homicidas, os que ajudaram a ocultar o corpo, os que auxiliaram na fuga e os que acobertaram os criminosos. Nós precisamos quebrar um paradigma que há na região de Parnaguá, Curimatá e Avelino Lopes onde esse tipo de crime não é um fato isolado e na grande maioria dos casos a família e conhecidos dos criminosos excercem papel fundamental na fuga. Estes crimes ainda são praticados porque se acredita na impunidade e nós precisamos mudar isso", coloca o delegado, que responde interinamente por 17 municípios do extremo sul.
Quanto à prisão do suspeito, Linhares afirma que desde a última sexta-feira as diligências não pararam, tanto pela Polícia Militar da região de Parnaguá quanto pela Polícia Civil e até pela polícia de Brasília, que trabalhou intensivamente pelas buscas do criminoso, já que havia rumores de que ele teria fugido para o Distrito Federal.


Fonte: Portal Corrente