sexta-feira, 4 de dezembro de 2015

Vereador Reginaldo Gomes é preso na Operação Blindado

Delegado Geral de Polícia Civil, Riedel Batista
A Polícia Civil do Estado do Piauí, através do Grupo de Repressão ao Crime Organizado - GRECO, deflagrou na manhã de ontem (03) a Operação Blindado, com o objetivo de combater uma das maiores quadrilhas especializada em roubos a carro forte do Nordeste, além de outros crimes na região sul do Piauí.

Ao todo, os policiais cumpriram sete mandados de prisão em Teresina, Brejo do Piauí, Alvorada do Gurguéia, Eliseu Martins e em Socorro do Piauí, onde o presidente da Câmara Municipal, Reginaldo Gomes Tavares, foi preso. Em Teresina, uma estudante universitária do curso de direito da Faculdade Santo Agostinho também foi presa.

De acordo com Delegado Geral da Polícia Civil do Piauí, Riedel Batista, o vereador Reginaldo Gomes está sendo investigado pelo roubo de um malote de dinheiro, que ocorreu na região. “Ele está sendo conduzido para a Capital e nós vamos detalhar a participação dele nesse crime em específico”, disse o delegado ao GP1Já a universitária, de acordo com o delegado, tinha envolvimento com um dos integrantes da quadrilha de roubo a carro forte e dava suporte ao grupo. “Ela tem um relacionamento com um membro do grupo. Com isso, ela dava todo o auxílio necessário para a quadrilha que tem atuação em vários estados do Nordeste”, acrescentou Riedel Batista.

As diligências foram realizadas pelo GRECO com o apoio da Gerência de Polícia do Interior (GPI). Três pessoas estão sendo trazidos para a Capital, dentre elas o vereador Reginaldo Gomes. Outras pessoas devem ser presas em outros estados. “Trata-se de uma quadrilha interestadual. Então nós estamos em contato com a polícia de outros estados para nos ajudar a desbaratar essa que é uma das maiores quadrilhas do Nordeste”, finalizou. Uma entrevista coletiva será concedida à imprensa ao meio-dia, na sede do  Grupo de Repressão ao Crime Organizado.

Fonte: GP1