sábado, 30 de janeiro de 2016

Conhecido empresário de Corrente é preso acusado de homicídio

Delegado Moisés Aragão Linhares
Foi preso na sexta-feira (29) Leonardo Lobato Oliveira da Silva, conhecido empresário de Corrente, proprietário de uma revendedora de veículos e lojas de celular na cidade e no município de Gilbués. A prisão foi efetuada pela polícia civil, por volta das 12h30, em uma de suas lojas na cidade de Corrente.
Leonardo é acusado de matar Edilson Santos Nascimento no dia 2 de janeiro deste ano, em retaliação a um roubo realizado na loja de celular em Gilbués, de sua propriedade. Edilson morreu com dois tiros, um no rosto e outro nas costas. No local do crime foram encontradas sete cápsulas de pistola calibre 380. A prisão preventiva foi decretada pelo juiz Carlos Marcello Sales Campos.
Segundo as investigações, o rapaz teria furtado a loja de celular e deixado o fruto do roubo escondido em uma mochila, encontrada por Leonardo, que identificou o proprietário da bolsa através de documentos deixados nela. A tocaia teria sido feita ao ladrão quando ele retornou outro dia, acompanhado pelo irmão, para recuperar a mochila com os itens roubados.
O inquérito, presidido pelo delegado Moisés Aragão Linhares, chegou a desaparecer do Fórum da Comarca de Gilbués e foi recomposto pelo delegado João Rodgrigo de Luna. Linhares afirma que ouviu diversas testemunhas, inclusive testemunha ocular, que confirmam que Leonardo de fato cometeu o crime.
O acusado, que nega a autoria do crime, está preso na 10ª Delegacia Regional de Corrente e será indiciado por homicídio doloso.

Fonte: Portal Corrente