quarta-feira, 6 de janeiro de 2016

Prefeitos do Piauí ameaçam fechar escolas por falta de dinheiro

Os prefeitos estão ameaçando fechar escolas, demitir comissionados na Educação e atrasar o pagamento da folha de servidores se o Governo Federal não repassar um adicional para os municípios pagarem o reajuste do salário mínimo e do piso dos professores. Segundo o vice-presidente da Associação Piauiense dos Municípios (APPM), Marcos Vinicius Dias, as prefeituras não têm como arcar com as despesas ocasionadas pelo reajuste concedido pelo Governo Federal.
Os prefeitos ainda vão rever os acordos de reajustes de servidores negociados com as Câmaras Municipais no ano passado. "As prefeituras estão no vermelho e não têm como pagar o reajuste do mínimo e o piso dos professores. O impasse é definir o índice de reajuste, que normalmente acompanha o aumento dado ao salário mínimo", disse.
Fonte:  Jornal Diário do Povo