quarta-feira, 10 de agosto de 2016

Câmara do Maranhão devolve mandato de ‘prefeita ostentação’

Prefeita Ostentação
A Câmara dos Vereadores de Bom Jardim, no Maranhão, devolveu o mandato à 'prefeita ostentação' Lidiane Leite, presa em setembro do ano passado, acusada de fraudes e desvios de merenda escolar que podem chegar a R$ 15 milhões de reais. Lidiane chegou a ficar foragida durante um mês e depois de entregou.


Após onze dias presa, o juiz federal José Magno Linhares Moraes mandou soltar Lidiane, com a condição do uso de tornozeleira eletrônica.  Lidiane havia sido proibida pela Justiça de frequentar a prefeitura, mas nessa semana, ela foi autorizada a retornar ao executivo municipal. A prefeita foi reempossada na manhã desta terça-feira (09) a prefeitura da cidade de Bom Jardim. De acordo com o G1, na primeira fala como prefeita, Lidiane enalteceu o momento que vive novamente à frente do município, localizado a 275 km de distância de São Luís.  “E um grande desafio”, disse a prefeita.
A prefeita de Bom Jesus se tornou conhecida nacionalmente no meio do ano passado. Vaidosa, Lidiane, de 25 anos, exibia nas redes sociais imagens de uma vida de alto padrão em uma cidade de 40.000 habitantes à beira da miséria, com um dos menores IDHs do Brasil. Ela se candidatou ao cargo de prefeita pela coligação “A esperança do povo”. Lidiane é investigada por desvios de recursos da Educação municipal e fraude à licitação.
Fonte: GP1