quarta-feira, 9 de novembro de 2016

Repatriação: Municípios do Piauí receberão mais de 137 milhões

A Confederação Nacional de Municípios (CNM) publicou nesta terça-feira (08) nova projeção sobre os valores arrecadados com a repatriação de ativos brasileiros do exterior. Em seu site oficial, a CNM informa que o montante, inicialmente cotado em R$ 50,9 bilhões, foi reduzido para R$ 46,8 bilhões.

Com a atualização dos recursos, os R$ 46,8 bilhões efetivamente arrecadados voltam a ser divididos igualmente em duas partes. Ao todo, são R$ 23,4 bilhões de IR e R$ 23,4 bilhões de multa.

A Confederação explica que, dos R$ 23,4 bilhões de Imposto de Renda, os Municípios têm direito a 22,5%, referentes ao Fundo de Participação dos Municípios (FPM). Esse percentual equivale a R$ 5,19 bilhões, a ser creditado neste mês de novembro, descontado o valor já recebido no último decêndio de outubro.

Também deve ser creditado na conta das prefeituras brasileiras no primeiro decêndio de dezembro o 1% do FPM, no valor de R$ 234,1 milhões, e em julho de 2017 outros R$ 234,1 milhões. Assim, os recursos totais que serão repassados aos Municípios com a repatriação devem ser de R$ 5,73 bilhões.

Pelos cálculos, o valor estimado pelo Governo Federal da repatriação de divisas referentes ao estado do Piauí é de 137.717.940,91(Cento e trinta e sete milhões, setecentos e dezessete mil, novecentos e quarenta reais e noventa e um centavos). A grande parte dos municípios do estado, ou seja, 162, com coeficiente 0.6 receberá cada R$ 370.732,63 (trezentos e setenta mil, setecentos e trinta e dois reais e sessenta e três centavos).

Confira abaixo as projeções:
Imagem: Reprodução/ CNMfdfd7(Imagem:Reprodução/ CNM)

Fonte: CNM