domingo, 9 de abril de 2017

Alunos e professores do ProJovem de Gilbués realizam a I Feira Cultural e Solidária

Professores do Projovem                                                       .Foto: Brenno Aguiar
Na manhã deste sábado (08), aconteceu a I Feira Cultural e Solidária realizada por alunos e professores do Projovem Campo Saberes da Terra,  Programa esse financiado pelo Governo federal,  por meio da Secretaria Estadual de Educação do Piauí (SEDUC-PI),  executado pela UEJA no município de Gilbués.
O evento teve apoio da Prefeitura Municipal de Gilbués , por meio da Secretaria Municipal da Educação (Semed). A feira aconteceu na praça Geraldino Gabriel, e envolveu professores de todos os núcleos que realizaram atividades desenvolvidas dentro do tema Economia Solidária. 
A professora Fernanda Santana Tavares, educadora de Ciências da Natureza e Matemática, aproveitou o momento para enfatizar a importância do programa e das atividades extraclasse. "Tudo isso é muito importante para os jovens, pois dentro do Projovem eles estão aprendendo muito com eventos que são necessários para promover a socialização e o conhecimento. É a partir desse ponto que avaliamos a evolução de cada um", destacou.
Na feira foi possível conhecer um pouco da cultura dos jovens alunos. Dança, capoeira, música, culinária, religião, artes e outros segmentos foram os principais assuntos do evento. "Estou gostando muito do Projovem. Aqui estou conhecendo coisas que nunca tinha visto. Esse projeto da feira é importante para todo mundo. Participar disso dá um pouco mais de disciplina e atenção", registrou a aluna Mauricléia Lustosa Fialho
A professora Evaneide Moura do Lago Ribeiro, da área de Linguagem e Códigos, a Feira Cultural é uma etapa que agrega valor ao conhecimento do aluno. "Tudo isso aqui diz respeito às manifestações culturais e à dinâmica do processo que a sociedade está envolvida. Com essa Feira, o Projovem Campo Saberes da Terra inicia um conteúdo programático com o intuito de ir além da sala de aula", ressaltou.
Quem também elogiou o Projovem foi a aluna Rosicléia Lustosa Fialho , afirmando que uma das principais vantagens, além do estudo, é fazer novas amizades. "Não tem como não gostar do programa, os professores são ótimos e a gente percebe a dedicação de cada um. A união de todos aqui também ajuda muito, conheci várias pessoas que hoje são meus amigos", colocou.
Além dos educadores acima,  o Projovem Campo Saberes da Terra,  também conta com os educadores Eugenia Maria Deusdará das Neves da área de Ciências Humanas e a Agrônoma Hevanici Silva.
Projovem
O objetivo do programa é elevar a escolaridade de jovens com idade entre 18 e 29 anos, que saibam ler e escrever e não tenham concluído o ensino fundamental. Visa a conclusão desta etapa por meio da modalidade de Educação de Jovens e Adultos integrada à qualificação profissional e o desenvolvimento de ações comunitárias com exercício da cidadania.

Fonte: Portal R10