domingo, 11 de junho de 2017

Conab: Piauí produz mais de 4 milhões de grãos e bate novo recorde

Mais de 4 milhões de grãos foram colhidos neste ano no Cerrado piauiense, levando o Estado a alcançar um novo recorde, segundo dados da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). A cultura da soja é a responsável por mais da metade da produção - estima-se que este ano estão sendo colhidos mais dois milhões de toneladas do grão, um aumento de aproximadamente 226%. 
O bom resultado é atribuído à tecnologia aliada a regularidade de chuvas. Esse 'casamento' impulsiona a economia do Estado, refletindo diretamente na melhora do Produto Interno Bruto (PIB) e na geração de emprego e renda na região Sul.
A área cultivada com soja no Piauí passou de 565 mil hectares, em 2015/2016, para mais de 680 mil hectares, neste ano - uma alta de 21%. 
Bom exemplo
Fazenda Progresso localizada no município de Sebastião Leal é um dos empreendimentos que comemoram a boa safra. O grupo, que está há 15 anos na região, plantou 42 mil hectares de grãos, sendo 37 mil de soja e 5 mil de milho, e conseguiu uma colheita equivalente a 400mil sacas. 
“Podemos dizer que 2015 foi ruim e que 2016 foi péssimo. No entanto, 2017 atendeu as expectativas, reascendeu a esperança e principalmente a certeza de que conseguiremos seguir investindo em tecnologia, pois em anos em que a rentabilidade é pouca, os recursos ficam mais escassos para o setor tecnológico”, explica o agrônomo responsável, Rogério Rodrigues.
A saca de soja tem sido vendida atualmente por, em média, R$ 62,00. Boa parte dessa produção, vai para o mercado asiático e também para o mercado interno. O Grupo Progresso é responsável por 288 empregos diretos. 

Fonte: CidadeVerde