segunda-feira, 24 de setembro de 2018

Placas de sinalização indicam invasão do território de Gilbués pelo município de Monte Alegre


Uma placa de sinalização colocada recentemente entre os municípios de Gilbués e Monte Alegre do Piauí, estabelece novo limite territorial entre as duas cidades. Dispositivo constitucional estabelece que a criação, a incorporação, a fusão e o desmembramento de municípios devem ser feitos por lei estadual, dentro do período determinado por lei complementar federal, e dependem de consulta prévia, mediante plebiscito, às populações dos municípios envolvidos, após divulgação dos estudos de viabilidade municipal. Se esse novo limite valer de fato, o município de Gilbués sofrerá prejuízo incalculável no que diz respeito ao recolhimento de impostos, e diga se de passagem já sofre prejuízo, visto que diversas empresas do município de Gilbués recolhem impostos no município de Monte Alegre. Um dos casos mais absurdos da invasão do município de Monte Alegre ao território de Gilbués é a localidade Raizinha, onde a administração de Monte Alegre loteou terras de Gilbués.
Essa invasão desenfreada poderá afetar até o cálculo do FPM futuro, causando prejuízo devastador  ao povo gilbueense. É necessário que as autoridades e o povo do município de Gilbués se mobilizem no sentido de frear esta invasão danosa e extremamente prejudicial ao município.




Placa na saída de Monte Alegre, indicação do limite correto