quarta-feira, 25 de novembro de 2020

Piauí precisa investir 16 vezes mais em saneamento básico


 O Piauí precisa investir R$ 1 bilhão em saneamento básico para atingir a meta da universalização estipulada pelo novo marco regulatório do setor, sancionado em julho deste ano. Esse valor é 16,36 vezes maior que o investimento atual, orçado em R$ 61 milhões. Os dados fazem parte de um levantamento feito pela Consultoria GO Associados em todo o Brasil.

O estudo mostrou que 24 dos 27 Estados brasileiros necessitam ampliar a média de investimentos na área. É o caso do Piauí, que já iniciou as tratativas com o BNDES para a concessão do serviço. Foi assim que a situação começou a melhorar em Teresina, que ampliou o esgotamento sanitário de 19% para 35%, após três anos da concessão dos serviços para uma empresa privada.

De acordo com o novo marco regulatório, até 2033, 99% da população deve ter água tratada, e o acesso a sistemas de esgoto sanitário deve atingir 90% dos habitantes. Hoje, a coleta de esgoto alcança apenas 14% da população piauiense, enquanto o acesso a água potável é de 76%.


Fonte: CidadeVerde

terça-feira, 24 de novembro de 2020

Casos de Covid-19 triplicam após eleições, prefeito testa positivo e decreta restrições em Prata do PI


Segundo o secretário de saúde de Prata do Piauí, casos positivos de coronavírus dispararam depois do período de campanhas eleitorais. Decreto proíbe venda de bebidas alcoólicas e restringe horário de funcionamento de estabelecimentos.
O prefeito de Prata do Piauí, Willhelm Barbosa (PT), decretou uma série de medidas restritivas para conter o avanço dos casos de coronavírus na cidade. Entre as pessoas que testaram positivo para Covid-19 está o próprio prefeito Willhelm, que está se recuperando em Teresina. O secretário de saúde de Prata, Fransuélio Melão, disse ao G1 que os casos na cidade dispararam depois do período de campanhas eleitorais.

Segundo o secretário, no período entre o início da pandemia e o início da campanha, houve 25 casos positivos de coronavírus na cidade. Do início da campanha até agora, foram 43 novos infectados. O número de casos subiu para 73. Quatro pacientes estão internados em hospitais de Teresina e Valença do Piauí.

Ainda segundo o secretário, o prefeito testou positivo há cerca de uma semana, e se recupera em Teresina. “Ele está tossindo e sentindo dores no pulmão, mas já está melhorando”, disse o secretário

Decreto

O decreto que restringe atividades econômicas em Prata do Piauí foi assinado na última sexta-feira (20) e tem validade até o dia 8 de dezembro. O decreto restringe o horário de funcionamento de estabelecimentos de serviços essenciais e não essenciais, e estipula multas para pessoas e estabelecimentos que descumprirem as determinações.

Segundo o decreto, os habitantes de Prata estão proibidos de entrar em estabelecimentos sem usar máscara. O decreto proíbe ainda as aglomerações de pessoas em praças ou calçadas. Em caso de descumprimento, as pessoas podem ser multadas em R$ 100.

O decreto proíbe ainda o comércio de bebidas alcóolicas, e de bares e restaurantes, o mercado público, eventos esportivos e atividades religiosas. Estabelecimentos como restaurantes e lanchonetes podem continuar funcionando na modalidade delivery.

O decreto determina ainda o horário de funcionamento dos estabelecimentos. Veja abaixo:

Estabelecimentos que prestam serviços essenciais:

  • Segunda a sexta-feira: 6h às 20;
  • Sábados: 6h às 20h;
  • Domingos e feriados: 6h às 14h;

Estabelecimentos que prestam serviços não essenciais:

  • Segunda a sexta-feira: 8h às 16h;
  • Sábados: 7h às 12h;
  • Domingos e feriados: estabelecimentos devem ficar fechados;
Fonte: G1

domingo, 22 de novembro de 2020

Inmet emite alerta para chuvas intensas para 162 municípios do Piauí


A chuva que atingiu Teresina, na madrugada deste domingo(22), chegou a 65 milímetros de precipitação e deve se repetir de acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). A capital e mais 161 municípios do estado estão com alerta amarelo, que significa perigo potencial de chuvas intensas.

Os dados foram divulgados às 11h de hoje e fazem referência até às 11h de amanhã(23). No alerta amarelo são chuvas que variam de 20mm até 50 milímetros por hora, com ventos intensos de 40 a 60km/h. Com baixo risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas.
 
Segundo o Inmet, o avanço de uma frente fria até o sul da Bahia e a circulação dos ventos, especialmente em altos níveis da atmosfera, intensificarão a formação e desenvolvimento de áreas de instabilidades sobre o interior da Região Nordeste. “Esse padrão deverá inicialmente, persistir até o dia 24/11/2020, contribuindo assim para elevados totais de chuva (100 a 150 mm), principalmente no MATOPIBA, que engloba áreas dos estados do Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia”. 
 
O alerta amarelo é de apenas atenção, não necessariamente de risco, e sinaliza a possibilidade matemática de ocorrência de chuvas intensas nesta área que abrange muitos municípios piauienses. 
 
Para caso as chuvas com ventos ocorram, o Inmet sugere que as pessoas não se abriguem debaixo de árvores, “pois há leve risco de queda e descargas elétricas e não estacione veículos próximos a torres de transmissão e placas de propaganda”. Também pede que evite usar aparelhos eletrônicos ligados à tomada.
 
“A formação e a aproximação de Vórtice Ciclônico de Altos Níveis (VCAN) da costa nordeste (partir do dia 21/11/2020), poderá intensificar as condições meteorológicas presentes sobre a região e contribuir também para chuvas localmente fortes, especialmente no semiárido da região. Porém, ressalta-se a importância de acompanhar diariamente a atualização da previsão do tempo, bem como os avisos meteorológicos especial emitidos pelo INMET”, destaca em sua publicação o Inmet.
 
foto: Roberta Aline
 
Veja as cidades do Piauí que têm previsão de chuva:
  1. Água Branca
  2. Agricolândia
  3. Alto Longá
  4. Alvorada Do Gurguéia
  5. Amarante
  6. Angical Do Piauí
  7. Antônio Almeida
  8. Anísio De Abreu
  9. Aroazes
  10. Aroeiras Do Itaim
  11. Arraial
  12. Assunção Do Piauí
  13. Avelino Lopes
  14. Baixa Grande Do Ribeiro
  15. Barra D'Alcântara
  16. Barreiras Do Piauí
  17. Barro Duro
  18. Bela Vista Do Piauí
  19. Belém Do Piauí
  20. Beneditinos
  21. Bertolínia
  22. Bocaina
  23. Bom Jesus
  24. Bonfim Do Piauí
  25. Brejo Do Piauí
  26. Buriti Dos Montes
  27. Cajazeiras Do Piauí
  28. Campinas Do Piauí
  29. Campo Alegre Do Fidalgo
  30. Campo Grande Do Piauí
  31. Canavieira
  32. Canto Do Buriti
  33. Capitão Gervásio Oliveira
  34. Caracol
  35. Caridade Do Piauí
  36. Castelo Do Piauí
  37. Colônia Do Gurguéia
  38. Colônia Do Piauí
  39. Conceição Do Canindé
  40. Coronel José Dias
  41. Corrente
  42. Cristalândia Do Piauí
  43. Cristino Castro
  44. Curimatá
  45. Currais
  46. Curralinhos
  47. Demerval Lobão
  48. Dirceu Arcoverde
  49. Dom Expedito Lopes
  50. Dom Inocêncio
  51. Elesbão Veloso
  52. Eliseu Martins
  53. Fartura Do Piauí
  54. Flores Do Piauí
  55. Floresta Do Piauí
  56. Floriano
  57. Francinópolis
  58. Francisco Ayres
  59. Francisco Santos
  60. Geminiano
  61. Gilbués
  62. Guadalupe
  63. Guaribas
  64. Hugo Napoleão
  65. Inhuma
  66. Ipiranga Do Piauí
  67. Isaías Coelho
  68. Itainópolis
  69. Itaueira
  70. Jacobina Do Piauí
  71. Jaicós
  72. Jardim Do Mulato
  73. Jerumenha
  74. João Costa
  75. Jurema
  76. Júlio Borges
  77. Lagoa Do Barro Do Piauí
  78. Lagoa Do Piauí
  79. Lagoa Do Sítio
  80. Lagoinha Do Piauí
  81. Landri Sales
  82. Manoel Emídio
  83. Marcos Parente
  84. Massapê Do Piauí
  85. Miguel Leão
  86. Monsenhor Gil
  87. Monsenhor Hipólito
  88. Monte Alegre Do Piauí
  89. Morro Cabeça No Tempo
  90. Nazaré Do Piauí
  91. Nazária
  92. Nova Santa Rita
  93. Novo Oriente Do Piauí
  94. Novo Santo Antônio
  95. Oeiras
  96. Olho D'Água Do Piauí
  97. Paes Landim
  98. Pajeú Do Piauí
  99. Palmeira Do Piauí
  100. Palmeirais
  101. Paquetá
  102. Parnaguá
  103. Passagem Franca Do Piauí
  104. Patos Do Piauí
  105. Pau D'Arco Do Piauí
  106. Paulistana
  107. Pavussu
  108. Pedro Laurentino
  109. Picos
  110. Pimenteiras
  111. Pio Ix
  112. Porto Alegre Do Piauí
  113. Prata Do Piauí
  114. Queimada Nova
  115. Redenção Do Gurguéia
  116. Regeneração
  117. Riacho Frio
  118. Ribeira Do Piauí
  119. Ribeiro Gonçalves
  120. Rio Grande Do Piauí
  121. Santa Cruz Do Piauí
  122. Santa Cruz Dos Milagres
  123. Santa Filomena
  124. Santa Luz
  125. Santa Rosa Do Piauí
  126. Santana Do Piauí
  127. Santo Antônio De Lisboa
  128. Santo Antônio Dos Milagres
  129. Santo Inácio Do Piauí
  130. Sebastião Barros
  131. Sebastião Leal
  132. Simplício Mendes
  133. Socorro Do Piauí
  134. Sussuapara
  135. São Braz Do Piauí
  136. São Francisco De Assis Do Piauí
  137. São Francisco Do Piauí
  138. São Félix Do Piauí
  139. São Gonçalo Do Gurguéia
  140. São Gonçalo Do Piauí
  141. São José Do Peixe
  142. São José Do Piauí
  143. São João Da Canabrava
  144. São João Da Serra
  145. São João Da Varjota
  146. São João Do Piauí
  147. São Lourenço Do Piauí
  148. São Luis Do Piauí
  149. São Miguel Da Baixa Grande
  150. São Miguel Do Fidalgo
  151. São Miguel Do Tapuio
  152. São Pedro Do Piauí
  153. São Raimundo Nonato
  154. Tamboril Do Piauí
  155. Tanque Do Piauí
  156. Teresina
  157. Uruçuí
  158. Valença Do Piauí
  159. Vera Mendes
  160. Várzea Branca
  161. Várzea Grande
  162. Wall Ferraz

sábado, 21 de novembro de 2020

São Raimundo Nonato continua registrando lotação de UTIs para tratamento da covid



 

O Hospital Regional Senador Candido Ferraz, em São Raimundo Nonato, continua registrando lotação dos leitos de UTIs para tratamento da covid-19. Segundo a Secretaria de Saúde do Piauí (Sesapi), até esta sexta-feira (20), todos os 20 leitos da unidade de saúde estavam ocupados.

O hospital tinha 15 leitos e ganhou mais 5 na semana passada com o objetivo de aumentar a capacidade de atendimento da unidade de saúde por conta das constantes lotações.

Em outras regiões do estado, os leitos estão 50% lotados. É o caso do Hospital Regional Dirceu Arcoverde (HEDA) em Parnaíba, que possui dez leitos, sendo 5 ocupados. 

Em Floriano a situação é semelhante. Dos 20 leitos, dez estão ocupados. Em Picos, 13 dos 20 leitos de UTIs do Hospital Justino Luz estão ocupados.

Teresina

Em Teresina, apenas um hospital, o São Marcos, apresenta lotação no número de leitos. Dos 30, 28 estão ocupados.

Até ontem, o Piauí registrou 511 novos casos da covid-19, totalizando 122.518 em todo o estado. Foram contalibilizados seis óbitos na sexta, elevando o número de mortes no Piauí para 2.574.


Fonte :CidadeVerde 

sexta-feira, 20 de novembro de 2020

Presidente da CNM se reúne com os novos prefeitos na próxima semana; confira as datas


 Passadas as comemorações da vitória nas eleições municipais, os gestores eleitos e reeleitos começam a pensar no planejamento do mandato para melhor atender às demandas de seus cidadãos. A Confederação Nacional de Municípios (CNM), principal entidade municipalista do país, será uma importante parceira no cumprimento dos desafios da gestão local. Para dar inicio à atuação conjunta dessa caminhada, o presidente da entidade, Glademir Aroldi, convida os novos representantes do executivo municipal a participarem do 1º Encontro de Prefeitos Eleitos entre os dias 23 e 30 de novembro. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas aqui.

A conversa com os gestores serão divididas por grupos de Estados da mesma região e terá duração de duas horas. Na ocasião, o presidente da CNM vai mostrar a força do movimento municipalista e as transformações que podem ser alcançadas com a união de todos, seja em Brasília ou em seus Municípios. Também será a oportunidade de ouvir as sugestões dos participantes.

Na próxima segunda-feira, 23 de novembro, os gestores de Municípios do Nordeste recebem a reunião virtual. Dois dias depois, na quarta-feira, 25 de novembro, será a vez do Centro-Oeste e Norte. A primeira semana de bate-papo será concluída com os prefeitos da região Sudeste na sexta-feira, 27 de novembro.

O presidente da CNM retoma as reuniões na semana seguinte com os prefeitos de Municípios da região Sul em encontro marcado na segunda-feira, 30 de novembro. Os gestores podem interagir enviando perguntas que serão respondidas pelo presidente da CNM e por sua equipe técnica.

É importante ficar atento aos horários de cada encontro, pois variam de acordo com a região. As reuniões ocorrem por meio de plataforma on-line. Os participantes com inscrição homologada irão receber, por e-mail, o link para acesso à Sala Virtual da CNM um dia antes da data do encontro. Após ass reuniões serão encaminhados materiais para apoiar a transição e os primeiros dias de mandato, bem como informações sobre como ter acesso a todos os benefícios exclusivos destinados aos Municípios contribuintes com o movimento municipalista.


Fonte: CNM

quarta-feira, 18 de novembro de 2020

Sesapi monitora quatro cidades do Sul devido a aumento da interiorização da Covid-19


 O superintendente da Secretaria Estadual de Saúde (Sesapi), Herlon Guimarães, destaca que as cidades de Bom Jesus, Floriano, Uruçuí e São Raimundo Nonato preocupam ainda mais o Governo do Estado quando o assunto é a Covid-19 devido o número de casos e mortes da doença nos últimos dias. 

“Nas últimas semanas, identificamos uma interiorização desses casos, mais precisamente na região sul do estado do Piauí. Fizemos reuniões com os gestores dos territórios que tem como cidades polos Bom Jesus, Floriano, Uruçuí e São Raimundo Nonato. Tivemos a preocupação de conversar com esses gestores para mostrar a radiografia do que está acontecendo”. 

O superintendente ressalta que todos os gestores foram orientados a fortalecer as medidas sanitárias e de prevenção ao novo coronavírus. “Estamos de perto observando o que está acontecendo; sempre monitorando e apoiando aos gestores nas suas tomadas de decisões”. 
 

Dados Sesapi em 17/11/2020
Bom Jesus: 1.795 casos confirmados e 24 mortes
Floriano: 3.679 casos confirmados e 58 mortes
São Raimundo Nonato: 2.170 casos confirmados e 20 mortes
Uruçuí: 1.787 casos confirmados e 25 mortes


Segunda Onda 

Sobre uma segunda onda de infecção, que já está em discussão em países da Europa como uma possível realidade, por exemplo, o superintendente comenta que o Piauí também está vigilante quantos aos casos em outros estados e países. 

“O Piauí, desde o primeiro momento, teve a oportunidade de avaliar como estava a doença em vários países e, agora, não está sendo diferente. Estamos novamente tendo a oportunidade de ver um crescente número de casos (em outros países) e, para que nós não possamos estar vivendo isso futuramente, nós já estamos tomando decisões, entre elas o monitoramento dos casos. Nós temos o (programa) Busca Ativa, que é extremamente importante para identificar os casos precocemente para fazermos o isolamento social”. 

Herlon Guimarães relata que o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) orienta os gestores em relação aos dados que apontam para aumento do número de casos da doença no país. 

“Existe uma conversa através das secretarias de Saúde entregando aos nossos gestores ferramentas que possam dá uma condição de uma melhor decisão. É importante continuar fazendo o monitoramento e, claro, estamos dando apoio total no que for necessário”.

Economia

Com o aumento do número de casos, muitos moradores questionam o Governo do Estado sobre o fechamento das atividades econômicas, como ocorreu no primeiro semestre. 

“Todo mundo depende da economia, nesse pacto é muito importante para que não haja retrocesso. Não queremos esse retrocesso. Por isso, as medidas de ajuste são tomadas, avaliando a cada sete e 14 dias em relação ao que está acontecendo, para que a gente possa gradualmente avançar e não tenhamos o problema de no futuro ter atos que possam vir a retroceder no nosso pacto de retomada econômica”. 


Fonte:CidadeVerde 

terça-feira, 17 de novembro de 2020

Soja fez PIB do Piauí crescer acima da média nacional, afirma IBGE


 O Piauí está entre os três estados brasileiros em que a soja fez a economia crescer acima da média nacional nos últimos 20 anos e é o único representante do Nordeste nesta estatística. Além do Piauí, também tiveram a soja como principal fonte de crescimento econômico, no período, o Tocantins e o Mato Grosso. A constatação é do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). 

Segundo os dados das Contas Regionais do IBGE desde 2002, quando começa a série histórica, a 2018, o Mato Grosso foi o Estado com o maior crescimento econômico, com avanço médio de 5,1% ao ano. Em seguida, vêm Tocantins (4,9%), Roraima (4,2%) e Piauí (4,1%). O Produto Interno Bruto (PIB) nacional cresceu em média 2,4% ao ano no período.
 
 O Governo do Piauí apresentou ontem  (16), os resultados do Produto Interno Bruto (PIB) de 2018. O PIB, que é a soma das riquezas produzidas em uma região foi de R$ 50,4 bilhões, um crescimento nominal de 11% em relação a 2017, o 3º maior em crescimento do Nordeste e o 12° maior do Brasil, mas o destaque para o Agronegócio não foi ressaltado. 

Apesar do crescimento e da contribuição do setor com a economia do estado o poder público no Piauí ainda não conseguiu ser um grande parceiro capaz de alavancar os grandes investimentos que a região do Cerrado piauiense precisa para contribuir ainda mais com a geração de empregos e renda da região. Ainda faltam estradas e políticas de atração de indústrias do setor, a região por exemplo não possui uma agroindústria. 

Na avaliação do presidente da Aprosoja Piauí (Associação dos Produtores de Soja do Piauí), Alzir Neto, todo o resultado positivo que o setor tem trazido para o Piauí é de responsabilidade dos agricultores e dos pequenos empresários das cidades do Cerrado.  

Um exemplo da falta de prioridade em relação aos investimentos públicos na região é o de que se concentra na capital Teresina o maior investimento público por habitante enquanto cidades da região do Cerrado estão no final da lista no ranking dos investimentos, dado levantado pela própria Fundação Cepro (2013-2017).

“O crescimento e desenvolvimento do estado do Piauí é intrinsecamente relacionado ao setor privado, sobretudo, ao Agronegócio, em especial a cadeia da soja nos cerrados. O diagnóstico para continuar crescendo e impulsionando a economia seria investir em infraestrutura e criar políticas que gerem segurança jurídica, consolidando o programa fundiário e estimulando a agroindústria”, ressalta.  Estado da Embrapa realizado em 2004, que analisou a cadeia de geração de empregos na agroindústria da soja verificou que a cada emprego direto gerado são gerados seis indiretos.

 


Fonte: CidadeVerde

domingo, 15 de novembro de 2020

Amiltinho é eleito o novo prefeito de Gilbués


 Com uma votação histórica o candidato Amilton Lustosa Figueredo Filho (PP) derrotou o atual prefeito de Gilbués, Leonardo de Morais Matos (MDB). Com 100 % dos votos computados no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Amiltinho contabilizou  64,60% (3.992 votos)  contra 29,51% (1.824 votos) de Léo Matos e Dr. Bertô (DC) somou 5,89% (364 votos).

Com 100% dos votos computados no TSE o resultado para vereadores foi o seguinte:

Junior Figueredo - 412 votos

Anderson - 412 votos

Junior da Boa Vista - 352 votos

Dimas Medeiros - 347 votos

Henrique Guerra - 327 votos

Ubiratan - 325 votos

Socorro - 317 votos

Heldin - 275 votos

Cláudio - 272 votos

Jóia da Marmelada - 260 votos

Má - 257 votos

Joãozinho - 224 votos

Sílvia - 212 votos

Merço do Trator - 189 votos

Morvan - 177 votos

Professor Maclício - 145 votos

Carlin do Sindicato - 135 votos

Iara da Farmácia - 125 votos

Maria Alice - 123 votos

Fabrício Teles - 109 votos

Celi Dias - 82 votos

Jildemar - 80 votos

Ademar Junio - 77 votos

Maguila - 62 votos

Wassiton - 62 votos

Marcio Roberto - 55 votos

Leonardo Lió - 53 votos

Fernando Fefe - 48 votos

Irmã Patrícia - 46 votos

Edson - 45 votos

Célia Manicure - 37 votos

Zé Orlando - 31 votos

Feliz - 28 votos

Junior da Caçamba - 21 votos

Edinha - 14 votos

Celene - 11 votos

Ana vitória - 8 votos

Lacy - 7 votos

Vilma Pessego - 6 votos

Iolanda - 5 votos


Eleição ocorre de forma tranquila em Gilbués




 Até o momento às 12:00h, segue em clima de tranquilidade as eleições em Gilbués, nos locais de votação no centro da cidade os eleitores quase não enfrentam filas. Não foi verificado nenhum incidente entre os militantes dos partidos.

sábado, 14 de novembro de 2020

PF faz operação contra compra de votos no Piauí envolvendo empresas "laranjas"


 A Polícia Federal deflagrou, nas primeiras horas da manhã desta sexta-feira (14) operação decorrente de investigação de suposto desvio de recursos públicos destinados à compra de votos nas Eleições 2020 no Piauí. 

Segundo nota da Polícia Federal, há indícios de que duas empresas de fachada abertas em nome de “laranjas” foram utilizadas para receber recursos públicos das Secretarias de Defesa Civil do Estado do Piauí e a Secretaria de Estado das Cidades.

Ao todo, sete mandados de Busca e Apreensão foram cumpridos nos municípios de Teresina e São Francisco do Piauí. Todas as ordens foram expedidas pelo Juízo da 98ª Zona Eleitoral de Teresina.

“Nos últimos dias os pagamentos a estas empresas se intensificaram e foram identificados inúmeros saques de valores (em espécie) por parte destas empresas”, diz a nota.

A Operação Policial mobilizou 30 Policiais Federais do Estado do Piauí.

Cidadeverde.com entrou em contato a assessoria do Governo do Estado e aguarda um posicionamento. 

 

Fonte : CidadeVerde 

quinta-feira, 12 de novembro de 2020

Eleições: PM vai monitorar ocorrências em tempo real nos 224 municípios do Piauí


 Um Centro Integrado de Comando e Controle Estadual que atuará na segurança das eleições foi montado no Quartel do Comando Geral da Polícia Militar do Piauí (QCG) e começa a funcionar a partir desta quinta-feira (12). Do local aconteceu também o embarque de parte da tropa de 1.400 policiais militares que vão atuar durante o pleito municipal no interior do estado. 

"Essa é a maior operação que realizamos aqui no Estado, quase todo o nosso efetivo está sendo empregado nessa operação. São quase 5.200 policiais, de um total de 6 mil. Além disso, envolve todos os municípios na mesma operação, com as forças de segurança. Onde houver um local de votação vai ter um policial militar", afirmou o comandante da PM, coronel Lindomar Castilho.

O Centro Integrado tem conexão com Centro Integrado de Comando e Controle Nacional, instalado no Ministério de Justiça e Segurança Pública, e servirá de apoio ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PI). 

Durante a operação, os oficiais que vão comandar o policiamento nos municípios do interior utilizarão um sistema de formulários que permitirá ao Centro Integrado acompanhar as demandas e ocorrências em tempo real.

"Os oficiais devem alimentar o sistema que foi criado para que as demandas sejam direcionadas. O que for parte da polícia militar será encaminhado à polícia, o que for de responsabilidade da Justiça Eleitoral será direcionado, e assim por diante. O centro é realmente para termos conhecimento, praticamente em tempo real, de tudo que acontece nos locais de votação" , explicou o comandante da PM.

O Centro Integrado vai funcionar na sala da Diretoria de Gestão de Pessoas, no Quartel do Comando Geral da Polícia Militar. No local estarão presentes também representantes da Polícia Civil, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Tribunal Regional Eleitoral(TRE) e Guarda Municipal. 

Os trabalhos no centro integrado serão coordenados pelo tenente coronel Edson. Ele explica que, além de direcionar as ações no Estado, os membros do centro integrado também ficarão responsáveis por alimentar o sistema do Ministério da Justiça com informações do Estado do Piauí. 

"A medida que as ocorrências forem chegando, através do comandante do policiamento da cidade, vamos tratar e colocar no sistema nacional", explicou. 

Os dados de ocorrências registradas através do Centro Integrado também devem ser divulgados à sociedade e à imprensa através de boletins emitidos pela Diretoria de Comunicação da Polícia Militar. 

Ao todo, a Polícia Militar vai empregar 5.267 policiais nos 224 municípios. Em Teresina, pela primeira vez, a Guarda Civil Municipal também vai atuar em diversos locais de votação. O Piauí tem 3.499 locais de votação, em 82 zonas eleitorais.

Cada zona eleitoral contará com Delegado de Polícia Civil, agentes e escrivães. A tropa federal também vai atuar no Piauí. 

 

Fonte: CidadeVerde

Governador decreta estado de emergência devido ao aumento de casos de Covid-19 no Piauí


 O governador Wellington Dias (PT) decretou estado de emergência no Piauí por conta da covid-19. O decreto foi publicado no Diário Oficial do Estado (DOE). O Piauí vem registrando alta no número de casos e internações, principalmente na região de São Raimundo Nonato, onde novos leitos de UTIs precisaram ser instalados para atender a demanda. Ontem, o secretário de Saúde, Florentino Neto, anunciou estado de alerta máximo para todas as regiões do Estado devido o avanço do novo coronavírus.

"Fica declarada a existência de circunstância anormal, caracterizada como situação de emergência provocada pelo Desastre Natural Classificado e codificado como doenças infecciosas virais (COBRADE  1.5.1.1.0), em toda a extensão territorial do Estado do Piauí. Ficam acionados, em sua plenitude, os órgãos e entidades da Administração Pública, dentro dos respectivos campos de competências e os vinculados ao Sistema de Proteção e Defesa Civil do Estado, para adoção das medidas necessárias à restauração da normalidade", diz o decreto.

O governo levou em consideração o boletim da Secretaria de Estado da Saúde do Piauí (Sesapi) do dia 10 de novembro, onde foram registrados 118.349 casos confirmados da covid-19 e 2.486 óbitos.

"Indicando que o ciclo evolutivo do desastre natural faz necessário o estabelecimento de uma situação jurídica especial com a decretação de situação de emergência pelo Chefe do Poder Executivo estadual", informa o decreto.

Veja trecho do decreto publicado no DOE desta quarta-feira (11)

A Secretaria de Estado da Defesa Civil do Piauí também recomendou a decretação de estado de emergência por conta do avanço da covid-19 em toda a extensão territorial do estado.

"A referida crise impõe o aumento de gastos públicos e o estabelecimento das medidas de enfrentamento da emergência de saúde pública de importância internacional decorrente do novo Coronavírus", diz o decreto.

Em abril, o governador Wellington Dias já havia declarado situação de calamidade pública provocada pelo novo coronavírus, no Decreto nº 18.942, de 16 de abril de 2020.

Último boletim da Sesapi

Somente nesta quarta-feira (11),  o boletim da Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi) registrou 590 novos casos de infecção e 13 mortes. 

Desde o início de novembro, contanto apenas os 11 primeiros dias do mês, o Piauí contabiliza 5.393 casos confirmados para a Covid-19, com 95 mortes pela doença. 

Os principais números nesta quarta (11/11)
- 13 mortes confirmadas / 2.499 no total
- 590 casos confirmados / 118.939 no total
- Média dos últimos 7 dias: 7 mortes / 559 casos
- 447 internados // 167 em UTIs
- 115.993 recuperados

quarta-feira, 11 de novembro de 2020

Secretário anuncia alerta máximo após aumento de casos de Covid em regiões do Piauí


O secretário de Saúde, Florentino Neto, anunciou nesta quarta-feira(11) estado de alerta máximo para todas as regiões do Estado devido o avanço do novo coronavírus. Até o momento, de acordo com o último boletim epidemiológico, são 118.349 casos confirmados e 2486 óbitos, que foram registrados em 192 dos 224 municípios piauienses. 

A situação é mais crítica nos municípios da região de São Raimundo Nonato, onde a capacidade de leitos de Unidade de Terapia Intensiva do Hospital Regional Senador Cândido Ferraz precisou ser ampliada recentemente para atender a crescente demanda. 

"Neste momento , enfrentamos uma situação um tanto quanto complexa em São Raimundo Nonato, onde  os leitos de UTIs estavam completamente ocupados. Aumentamos lá de 15 para 20 leitos, uma resposta pontual, precisa, com relação a essa situação. Estamos monitorando a situação lá e de todas as regiões do Estado", afirmou o secretário. 

Ainda de acordo com Florentino, diante do cenário de crescimento da doença já articula meios para reforçar a capacidade hospitalar também em outras áreas do Estado.

"Sempre que houver necessidade de uma atenção maior em alguma região essa atenção será dada,porque temos a determinação do governador Wellington Dias e os meios para que nós possamos, através do Pro- Saúde e do Pro-Piauí, estarmos atuando pontualmente nessas regiões para garantirmos o efetivo enfrentamento e assistência adequada", destacou o secretário. 

Para garantir o atendimento em todas as regiões do Estado, a Secretaria de Saúde também deve fortalecer a integração com as gestões municipais e com entidades da sociedade civil, para a realização de ações preventivas e a organização da rede hospitalar. 

"Toda estrutura está montada e nós ainda estamos ampliando para que possamos ter uma estrutura capaz de atender a  população em todas as situações, todas as circunstâncias. O que nós fizemos até então tem demonstrado a capacidade de reação, de enfrentamento, de articulação e de gestão da Secretaria Estadual de Saúde", pontuou Florentino. 

 

 Fonte; CidadeVerde

Filha assume candidatura do pai que morreu após complicações da Covid-19


 A Advogada Deborah Sayonara Cardoso, de 29 anos, vai disputar a Prefeitura do município de São Braz do Piaui, distante cerca de 440 Km da capital. Ela substitui o pai, Nilton Cardoso, que era o atual prefeito do município e disputaria a reeleição no próximo domingo, mas faleceu na última quinta-feira, no Hospital Getúlio Vargas, após complicações causadas pela Covid-19. 

 
Apesar de ter entrado na disputa faltando pouco mais de uma semana, Deborah Sayonara já cumpre agendas de campanha nas comunidades do município de São Braz, que possui pouco mais de 4 mil habitantes. Ela terá como candidato a vice Gilson Braga dos Reis, o Gilsinho (MDB), que já fazia parte da chapa junto com o pai. 
 
"Resolvi colocar meu nome à disposição do partido", confirmou Deborah Sayonara ao cidadeverde.com.
 
A advogada deve disputar a prefeitura do município com outros dois candidatos, Perivaldo Campos, o Lapinha (Progressistas), e Suetônio Pereira (PSD).
 
A substituição já foi solicitada, mas ainda não foi efetivada no sistema de Divulgação de Candidaturas da Justiça Eleitoral. 
 
Foto: Reprodução/Instagram-Deborah Sayonara
O caso 
 
O prefeito de São Braz, Nilton Cardoso, morreu aos 53 anos no Hospital Getúlio Vargas após complicações ocasionadas pela Covid-19. Ele ficou internado cerca de 10 dias na Unidade de Terapia Intensiva do hospital em tratamento contra a doença e teve uma parada cardíaca.  

Fonte: CidadeVerde